top of page

Clube-Empresa e a Salvação para o Futebol Brasileiro?


A discussão sobre os Clubes se tornará empresas no Brasil vem à tona repetidamente. O principal argumento utilizado para justificar esta mudança é a necessidade de profissionalização do futebol. A justificativa apresentada - Profissionalizar a Administração - é mais do que necessária.


Este artigo discute a necessidade de que os clubes de futebol brasileiros se tornem empresas. O principal argumento apresentado é que são apresentados para a prática do esporte. Mas o que realmente importa é estabelecer boas práticas de gestão que tornam um clube bem sucedido, mesmo que a propriedade mude.


No Brasil, as mudanças na natureza jurídica dos clubes são regularmente assinantes. Tem propostas para que os clubes se tornem empresas e para que os clubes formem parcerias com outras empresas. O principal argumento utilizado em apoio a estas propostas é a necessidade de profissionalização do futebol.


O Clube também terá maiores recursos para investimentos em infraestrutura e equipamentos para os atletas, que terão acesso a melhores instalações de treinamento, treinadores de melhor qualidade e técnicos, o que, por sua vez, levará a um melhor desempenho.


A fim de poder determinar a administração da administração profissional ou não, propostas novas maneiras de análise positivas como as regras financeiras do Clube. Os três fatores mais importantes são: nível de endividamento, liquidez e lucratividade. Outros aspectos também podem ser relevantes ao analisar o perfil de um clube, tais como sua estrutura de renda e nível de pagamento de salários.



Por Lucas Drumond Sinnecker

8 visualizações0 comentário

Commenti


Post: Blog2_Post
bottom of page